As palavras que Materazzi disse :

O Guardian (Londres) disse que foi um insulto político, civilizacional. A SOS Racisme disse que foi um sujo insulto racista. Chirac diz que foi, "seguramente, qualquer coisa extremamente grave". Um jornal francês disse que foi um insulto à mãe. A cadeia Globo (Brasil) recorreu a vários especialistas de leitura labial e foi peremptória: "chamou puta à irmã de Zidane". Muitos jornais asseguram que o italiano chamou "terrorista islâmico" ao francês. Materrazi declarou à chegada ao aeroporto de Roma: " É mentira, sou ignorante, não sei sequer o que quer dizer terrorista, ou islâmico." Acredito em Materazzi...

*Daqui pra frente postaremos menos sobre futebol, não acham revoltosos?

8 Responses to “ ”

Martini Bianco disse...

Pra mim cá.. chamou mesmo a irmã dele de puta.. e ás tantas até é. Atendendo ao jogo "porco" que ele faz nos jogos do Inter, é capaz dela tb ser uma boa "porca" noutras ocasiões... llol

Martini Bianco disse...

ya.. e concordo! Apenas deverei postar mais uma vez sobre futebol, caso no calcio caos haja uma amnistia.. até porque os campeões mundiais não merecem tamanho azar...

nucha04 disse...

Tb pra mim... se calhar até foi á mãe dele..

antitripa disse...

Desculpa mas este post não está correcto. O que Materrazi disse foi "Gaulês estupido, cultiva-te e lê a revolta dos petroleiros!" e o terrorista percebeu que lhe tinha chamado "petroleiro revoltado"...

lol.. ta brutal, antitripa! Tb acho.. e acho que ele nao passa no Teste dos Petroleiros.. fraquinho! ehheheeh...

Anónimo disse...

Para mim o Zidane quis sair do futebol de forma bem polémica.. pra deixar as marcas, de um jogador k nem um goleador nato foi...

Adriano disse...

Nem tinha que marcar muitos golos...
Nem tinha que deixar marcas...
Atrevo me a dar lhe o titulo de melhor jogador de sempre!!!!

Martini Bianco disse...

O melhor de sempre??? Tb tas a ser controlado pelo sistema.. so falta dizeres que ele passou ao lado de uma grande carreira.. no sporting! lol..

Sport TV ao vivo na Revolta dos Petroleiros

Analytics